segunda-feira, 30 de abril de 2018

Todos juntos exigindo Lula Livre!

Nunca o Dia Primeiro de Maio foi tão representativo quanto o deste ano. Direitos dos trabalhadores foram praticamente extintos. A escravidão retornou em sua versão mais moderna, porém mais dissimulada. A justiça do Trabalho, majoritariamente comprada pelos grandes capitais, pune apenas os trabalhadores. Desemprego cresce a níveis galopantes. A classe trabalhadora vai mal e sem apoio.

O Golpe de 2016, criado para impedir o Brasil de se tornar uma potência e facilitar a venda de riquezas, como a camada petrolífera do Pré-sal e empresas estratégicas como a Petrobras e a Eletrobras, favorecendo o domínio do predador mercado estrangeiro em nossas terras, nos tirou a soberania e a dignidade. Para piorar, enjaulou o único líder com condições plenas de reverter toda esta desgraça: Luís Inácio Lula da Silva.

Lula, que foi o melhor presidente da história política brasileira, que mesmo sem ter formação acadêmica, mostrou ter a inteligência plena de um grande administrador público, fazendo o país se desenvolver e se tornar soberano, dar qualidade de vida à população e melhorar a nossa imagem no exterior, desagradou a nossa elite do atraso, tradicionalmente parasitária, que aproveitou a crise econômica mundial de 2008 para favorecer toda a destruição que vemos a olhos vistos.

Para impedir que Lula retorne e reverta o golpe destruidor, as elites brasileiras facilitaram as coisas para que as elites predatórias estrangeiras fizessem seus estragos para que o capital estrangeiro satisfizesse sua tara de sugar tudo que temos de precioso em nossa nação. Resultado, voltamos a nossa condição de Colônia de Exploração de Matéria Prima e vemos todas as leis, incluindo a Lei Áurea, a Constituição de 1988 e a Independência do Brasil sorrateiramente revogados.

A prião de Lula foi a cereja do bolo fecal deste golpe. Foi necessário inventar uma desculpa esfarrapada para que a detenção claramente política de Lula tivesse aparência de legalidade. Mas como os episódios do Triplex, do Sítio de Atibaia e da Fundação Lula não tem fundamento e soam ridículas aos olhos dos mais sensatos, ninguém se convence de que Lula não é um preso político.

Esta data, quando vemos o maior representante dos trabalhadores encarcerado, numa torturante solidão - bom lembrar que Lula é uma pessoa muito social e sempre esteve rodeado, desde os tempos de sindicato, de grandes grupos de pessoas - temos que nos conscientizar e lutar para que Lula possa ser solto desta prisão política. 

Ele só fez bem ao país e tem as condições de desfazer os estragos do golpe. É isso que as elites do atraso temem, pois são favorecidas com a desgraça da população. Por isso fizeram questão de prender Lula para que esta desgraça pudesse ser perpetuada, mantendo as elites na sua isolada prosperidade.

É imperativo que o maior número de pessoas possível possa ira a Curitiba fazer um gigantesco movimento que pudesse gerar repercussão maciça mundial. É preciso gritar que temos um preso político e que o Brasil vive um golpe predatório que arrasa com a soberania e os direitos da população. Lula Livre é ter o direito de escolhermos quem queremos como presidente e quem tem condições de melhorar este país.

Não adianta fazer manifestações isoladas pelo país. Até podem, mas estas manifestações não geraram impacto. É preciso que no mínimo haja mais de 100.000 pessoas reunidas em um só lugar em Curitiba, mais próximo possível de Lula, tentando provocar medo nesta elite sádica e gananciosa.

Que todos os movimentos sociais foquem Curitiba, para que o Brasil volte a ser um país, não um território colonizado a dar de bandeja bens e direitos a forasteiros que mal sabem cuidar de suas riquezas, desejosos de arrancar dos outros aquilo que não é seu. LULA LIVRE!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.