quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Para entender porque o Capitalismo não presta


Infelizmente, com a decepção do Governo Lula e com o enriquecimento cada vez maior dos ricos brasileiros, está havendo uma onda de neo-direitismo que exalta o Capitalismo, pensando ser este um sistema mais justo. 

Como aceitar como justo um sistema excludente e que dá o direito a uns de serem melhores que os outros e de concentrar renda, deixando os outros na miséria?

Mas não é preciso ser muito inteligente para entender que o Capitalismo não presta. Uma metáfora irá explicar facilmente.

Uma pessoa que possua uma garrafa de água tem o direito de colocar uma quantidade maior em seu copo no que o de outra pessoa? Claro que não. Mas para quem apoia o Capitalismo, certamente vai achar justo que o dono da garrafa coloque menor quantidade ou nenhuma no copo de outra pessoa. Afinal, ele é o dono da garrafa e faz o que quiser com ela.

Para os simpatizantes do Capitalismo, os ricos têm direito a qualquer abuso financeiro, afinal são os donos do capital e para eles, não deve haver limites de benefícios e de poder.

Entenderam porque o Capitalismo não presta? É porque ele é abusivo. Faz com que os ricos sejam "melhores" que os outros e tenham mais "direitos".

Se um dia entenderem que os seres humanos são todos iguais em capacidades e direitos, o que é fato incontestável, pois o que difere as pessoas são as oportunidades dadas a elas, o Capitalismo acaba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.